29 de jan de 2016

Take Stock: Janeiro

Oi gente! Esses dias vi no blog da Vanessa Bayer uma espécie de tag/post super legal que ela por sua vez achou em um blog gringo. Eu adorei a ideia, e vou tentar fazer todo mês por aqui. Ela se chama Take Stock e consiste em fazer um balanceamento do seu mês através dessas palavras listadas em negrito. Eu adorei essa ideia, porquê nela poderei fazer um resuminho do que aconteceu no mês tanto no blog quanto na minha vida pessoal. Agora vem conferir o que eu fiz durante esse mês!

  1. Blogando — esse mês até agora, tivemos post de fotografia, texto e  sobre o layout novo do blog. (pbs.: posts meus).
  2. Fazendo — várias atividades interessantes, tipo nada. 
  3. Escutando — Anavitória, e várias outras músicas aleatórias. 
  4. Lendo — nenhum livro, mas muitos blogs lindos que conheci esses dias.
  5. Assistindo — filmes maravilhosos. Duas indicações: João e Maria Caçadores de Bruxas e A garota da capa vermelha.
  6. Estudando — ou tentando, estudar de tudo para o ENEM. 
  7. Comendo — chocolate= vida haha. Tenho que parar de comer tanto chocolate, minha pele vai agradecer muito, rs.
  8. Bebendo — sucos naturais.
  9. Agradecendo — por cada dia de vida.
  10. Decidindo — um plano B para a faculdade.
  11. Esperando — a minha nota do ENEM (só dia 8 de março, que sofrimento).
  12. Precisando — urgentemente de roupas novas haha, acho até que vou fazer uma wishlist por aqui.
  13. Sentindo — preguiça (sempre!).
  14. Pensando — que tenho que estudar mas não consigo.
  15. Olhando — meu caderno novo!
  16. Desejando — um celular novo.
  17. Amando — o layout novo
  18. Odiando — ...
  19. Planejando — estudar , preciso muuuito.
  20. Comprando — materiais escolares. 
  21. Vestindo — muitos shorts e blusas. 
  22. Desfrutando — do friozinho gostoso que está na minha cidade.
  23. Ajudando — a quem precisar de ajuda.
  24. Admirando — quem se importa também com os outros e não só com si mesmo.
  25. Seguindo — vários instagrans cheios de frases e poesias maravilhosas, querem que eu liste aqui?
Esse foi o post de hoje, espero que tenham gostado! Bjos!

27 de jan de 2016

Receita: brigadeiro de colher sem leite condensado

Sabe aquele dia que você está morrendo de vontade de comer brigadeiro, mas quando vai fazer percebe que não tem leite condensado em casa? Eu já fiquei muitos dias sem comer brigadeiro por isso, rs, dava preguiça de ir comprar haha. Até o dia em que eu aprendi essa receitinha, que é feita com ingredientes que sempre temos em casa, e fica com o gosto tão bom quanto o brigadeiro tradicional. E hoje resolvi compartilhar com vocês, vamos aprender?

Foto: Pinterest
Obs.: a foto é do pinterest só para ilustrar porquê não consegui fotografar para vocês.

Ingredientes:

  • 5 colheres de leite em pó;
  • 5 colheres de achocolatado em pó;
  • 1 xícara de leite (se não tiver pode usar água mesmo);
  • 3 colheres de açúcar;
  • 1 colher de amido de milho;
  • 1 colher de margarina;
Para preparar é super simples. Basta misturar todos os ingredientes, levar ao fogo baixo e mexer bem até engrossar, chegando à consistência de brigadeiro. E já está pronto! Se você quiser usar essa receita para fazer uma cobertura de bolo, também serve, é só deixá-la menos grossa. 

E aí, gostaram da receitinha? Quem tentar me fala aqui, vou adorar saber!


21 de jan de 2016

Projeto 121 - 17 coisas para fazer antes dos 17 anos



Hey galera! E o hoje tem mais uma sugestão de post do projeto 121 do grupo Blog Up. Eu amo fazer listinhas de metas, tarefas, ou qualquer coisa relacionada a planejar o futuro e tornar minha vida mais organizada e prazerosa (Se bem, que aqui entre nós, minha vida está um pouco bagunçada ainda né? 'rs) O tópico 10 do projeto 121 diz: "Faça uma lista de desejos para se fazer quando completar... de acordo com a idade", portanto, como vou completar 17 invernos (É, isso mesmo! Não gosto de primaveras e amo o friozinho do inverno! haha) vão ser 17 coisas! hehe Mas, vamos conferir?!

1. Aderir ao estilo indie (Vou fazer post em breve!)
2. Aprender a dançar pelo menos uma coreografia.
3. Aprender a cozinhar alguma comida diferente.
4. Doar sangue.
5. Estudar, estudar, estudar, e já falei estudar?!
6. Perder no mínimo 3 quilos.
7. Recomeçar a correr .<3
8. Aprender a dirigir.
9. Me organizar!
10. Apreciar as belezas da vida.
11. Agradecer cada dia.
12. Fortalecer a minha ligação com os seres superiores.
13. Fazer o curso olline da Boca Rosa.
14. Montar meu home-office.
15. Montar a minha estante de livros.
16. Adquirir pelo menos 6 livros.
17. Ler mais.

Então galera, o que vocês acharam das coisas que quero fazer antes dos meus 17 anos? Alguma ideia legal que você deseja fazer? Me conta nos comentários! Ficarei muito feliz em saber!


15 de jan de 2016

Desabafo...

  

    Eu só quero poder proporcionar a mim mesma um futuro bom. Eu só quero ser livre, poder andar por onde quiser, com quem quiser, como quiser e quando quiser. Eu só quero poder me amar do jeito que eu sou, com esse meu corpo que é perfeito justamente por causa da sua imperfeição. Eu só quero poder andar descalça, dançar na chuva, sentir o cheiro das flores e me sentir bem. Eu só quero poder estudar tranquila, para poder mais a frente realizar meus sonhos. 
     Eu só quero um abraço demorado daqueles que esquentam e reconfortam a gente. Eu só quero um carinho, que ás vezes também cai bem. Eu só quero poder sorrir sem medo e andar sem rumo até chegar em um lugar qualquer. Eu só quero sentir a brisa bater em meu rosto e fazer meus cabelos soltos voarem. Eu só quero poder dormir em paz depois de um dia cansativo. Eu só quero chorar, sorrir ou gritar quando sentir vontade até colocar para fora tudo que estou sentindo ou tudo que me corroi. 
     Eu só quero fazer só o que me der vontade, e não o que os outros querem. Eu só quero poder ter fé em algo que eu realmente acredite com a certeza de que irão me respeitar. Eu só quero ter que agradar a mim mesma e a mais ninguém. Eu só quero poder falar o que sinto e que já está entalado na minha garganta há muito tempo e que alguém pela primeira vez na vida me entenda. Eu só quero poder expressar meus pensamentos sem ninguém me julgar por conta deles. Eu só quero ser a moradia de um sentimento bom. Eu só quero ajudar quem precisa de ajuda. 
     Eu só quero entender as pessoas, e que elas me entendam também. Eu só quero sentir aquele friozinho na barriga que antecede um momento de adrenalina ou de emoção. Eu só quero sentir o que amor verdadeiro é capaz de fazer. Eu só quero sentir orgulho de mim mesma. Eu só quero dançar até cansar. Eu só quero viver a minha vida da minha maneira sem ser taxada de louca. Eu só quero me libertar de todos os padrões e preconceitos a que sou submetida. Eu só quero poder sonhar sem medo e realizar meus sonhos. Eu só quero cantar enquanto sentir vontade. 
     Eu só quero saber que fiz alguém feliz de alguma forma. Eu só quero saber que mudei algo para melhor nesse mundo, por mais pequena que seja essa mudança.  Eu só quero viver sem cobranças, sem reclamações, sem ordens. Eu só quero acreditar que no fim tudo vai dar certo. Eu só quero que no fim tudo dê realmente certo. Eu só quero ser feliz de verdade, é pedir demais?

13 de jan de 2016

O dia em que ela se libertou daquela armadura


Ela colocava um salto alto, um vestido curto, um batom vermelho e ia para a balada dançar a noite inteira e beber todas, como se isso a fosse libertar de tudo aquilo que a corroía por dentro. Colocava um sorriso vazio nos lábios e tentava esconder do mundo a tempestade que chovia dentro dela. Para a maioria das pessoas, preocupadas demais com suas próprias vidas, esse disfarce funcionava. Achavam eles que ela era uma menina muito feliz. Porém, mal sabia ela que esse sorriso não escondia nada de quem já era expert em disfarçar tristeza, que de tanto fazer isso reconhecia quem fazia o mesmo só pelo olhar. Um dia, numa dessas festas qualquer, uma típica balada lotada de pessoas vazias, um desses experts reconheceu nela o tal disfarce.
__ Oi moça, tudo bem?
__ Tudo sim. 
__ Não, não está nada bem.
__ Como pode saber? Você nem me conhece!
__ Você, eu não conheço. Mas esse olhar triste, esse sorriso vazio e essa armadura de felicidade eu reconheço a quilômetros de distância. Por trás dessa armadura de durona e feliz, está uma menina magoada que só quer um abraço apertado, uma pessoa em quem confiar e um ombro para chorar.
__ Você mal me conhece, eu te vi agora pela primeira vez, como pode saber disso tudo? 
__ Você sabe que isso é verdade, senão nem estaria mais aqui. Mas calma moça, eu te entendo, e por isso posso reconhecer. Só quero te dizer que se quiser ajuda, estou aqui. Sei que você deve achar que eu sou louco, posso parecer estranho, mas é que eu sinto o mesmo que você, e fazia o mesmo que você, mas sabe o que eu aprendi? Aprendi que nós temos também o direito de ficar tristes, ninguém é sempre feliz. Então tira essa armadura e liberta tudo o que você está sentindo, garanto que isso irá te fazer bem.
E naquele momento, a armadura dela caiu, como se tirassem um peso enorme de suas costas. Ela, que não se abria nem com os amigos e passava sempre a imagem de uma mulher confiante e alegre, desabou nos braços daquele estranho, contou tudo que a estava prendendo aquele estado de tristeza e chorou até não poder mais. Naquele momento, com a ajuda daquele rapaz que nunca havia visto na vida, expert em disfarçar e reconhecer a tristeza, ela se libertou daquilo que a corroía há dias. E daquele dia em diante, sempre que ela reconhecia em alguém o disfarce que antes ela mesma usara, ela parava e dizia: 
__ Oi, tudo bem?

7 de jan de 2016

7 on 7: Música


Ebaaa! Chegamos a mais um 7 on 7, o primeiro do ano, e com um tema que eu amo: Música! Música é vida né gente? Eu não passo um dia sem escutar, por isso adorei o tema! Eu confesso que tive dificuldades para ter ideias com esse tema que inicialmente achei que seria fácil, mas usei algumas coisas que tinha para representar a música, e saiu até desenho (mesmo eu não sendo boa em desenhar).  Para piorar, tive que fazer tudo às pressas, e ainda tive problemas com a iluminação, mas deu certo, apesar de não ter ficado como eu realmente queria. Enfim, espero que gostem das fotos!







(essa última foto está com uma qualidade ruim porquê é um snap meu, mas eu achei bonitinho e resolvi incluir, rs. E sim, é uma tattoo de caneta por quê eu ainda não posso fazer uma de verdade rs.)

Confira os posts dos outros participantes:

5 perguntas que não sei a resposta (Usando a imaginação para responde-las!)

Hey galera! Tem dias em que você se depara com algumas perguntas que não vão te acrescentar em nada mais com certeza você fica curioso(a) para saber a verdadeira resposta. E algumas dessas perguntas são tão idiotas que te rende boas risadas...
Mas, vamos conferir as perguntas que eu selecionei?!

1. Como a Avon coloca o cheiro do perfume nas páginas?
Acredito que eu tinha uns 8 anos quando a Avon distribuiu o seu primeiro catalogo que tinha um plastico com um película em que você puxava e sentia o cheiro dos perfumes. Eu achei aquilo sinistro, sabe? Na época eu pensei (e ainda penso!) que era só aplicar uma pequena quantidade de perfume no plástico e pronto, lá estava a amostra do perfume.Daí, adivinha o que eu fiz? Peguei todos os perfumes da minha mãe e fiz isso. Só que as amostras perderam o cheiro em menos de 24 horas... então até hoje eu me pergunto: "Que magia eles fazem para deixar essas amostras com o cheiro por muito tempo?"

Fonte: Google Imagens

2.  Como o Bob Esponja consegue fazer fogueira dentro d'água?
Ta aí! Outra coisa que sempre que aparecia nos desenhos do Bob eu ficava perguntando a minha mãe... E pior, eu acabava tentando reproduzir! haha Eu gostava (e ainda gosto!) tanto do Bob que minha mãe fez o meu Bob. Ele era muito lindo e muito igual. E teve uma vez que eu quis reproduzir o desenho tentando acender uma fogueirinha de palito de fósforo dentro de uma tigela cheia de água com o meu Bob lá dentro! Vai me entender! 
E para essa pergunta, eu acredito que ele fazia isso com algum ser vivo que solta faísca (ou algo relacionado) dentro d'água. O que vocês acham?

Fonte: Google Imagens
3. Por que o teclado não vem em ordem alfabética?
Você já olhou o seu teclado e percebeu que as letras são distribuídas de uma forma aparentemente aleatória? Eu já. Minha ideia sobre é que dessa forma facilite a vida da gente na hora de digitar, se bem que se os teclados fossem fabricados desde do início de outra forma com certeza a gente pegaria o jeito e digitaria normalmente, sem dificuldades.

Fonte: Google Imagens
4. Como os surdos-mudos pensam?
Quando a gente está pensando conseguimos 'ouvir' a nossa voz e consequentemente ela está no mesmo idioma que falamos. Mas, e as pessoas que são surdas-mudas? Ela pensam em que idioma? Libras?

Fonte: Google Imagens
5. O super-homem é super-inteligente. Então, por que ele usa a cueca em cima da calça?
A história do Super-homem conta que ele é muito inteligente, muito mesmo! Então, se este ser heroico é tão inteligente, por que ele 'esqueceu' que a cueca se veste por baixo da calça e não o inverso? Eu acredito que é para passar para as crianças que as pessoas mesmo super inteligentes devem deixar o seu lado idiota aparecer para assim, enxergar o mundo com uma visão melhor.

Fonte: Google Imagens


Bônus: O mundo é redondo e é chamado de planeta. Se fosse plano era chamado redondeta?


E para a pergunta bônus, não vou deixar a minha imaginação! Mas, você pode ficar um tempo aí pensando sobre... 'rs Aah! As últimas perguntas foram retiradas deste site aqui, se vocês quiserem dar uma olhada... Lá tem muitas outras perguntas que quase ninguém pensa, corre e dá uma olhada!
E então? Vocês têm alguma pergunta que não sabem a resposta, mas imagina? Deixa aqui nos comentários que eu vou adorar ler e se divertir com vocês!

5 de jan de 2016

Tutorial: Nail Art

Hey galera!!! Hoje vou trazer para vocês a minha primeira Nail Art! E quando eu falo primeira, realmente é a primeira. Eu tinha um problema sério, desde de criança eu roía as minhas unhas... já chegou ao ponto de sair sangue e inflamar. E quanto mais eu crescia mais difícil era acabar com o costume, e com a idade também vinha a vontade de ter unhas grandes e fortes para fazer desenhos, esmaltar... enfim, esses desejos que todo mundo tem quando ver uma foto igual a que está abaixo.


Foi então que em um belo dia eu falei para mim mesma que ia parar de roer as unhas e deixaria elas enormes e fortes... E ta aí. Eu até que consegui. Já faz algumas semanas. Elas ainda não estão tão fortes, mas até que estão grandes (comparando ao que era antes, óbvio!) Sim, e cade esse tutorial, hein? Mas, agora, vou deixar de tanto enrola, enrola e vamos ao tutorial!

1. O primeiro passo que eu sempre faço é retirar o esmalte anterior, limpar e hidratar. Logo depois, eu apliquei 2 camadas de um vermelho lindo da Risqué. O nome do esmalte é Gabriela. Ele é ótimo para esmaltar, para desenhar, enfim... É maravilhoso!
Na foto, vocês podem ver que ainda está borrado. É que eu retiro os borrões somente ao final.

 

2. Quando o esmalte já está seco, eu pego essa esponjas de lavar pratos e corto um pequeno pedaço e retiro a parte verde.
Como vocês conferem nas imagens abaixo.

 

3. Depois, eu escolhi uma tinta para tecido Acrilex na cor branco e no dedo mesmo eu fui dando batidinhas na esponja amarela. Eu usei tinta para tecido, mas dá para fazer com esmalte branco também... vai da sua preferencia.



A minha sugestão de esmalte branco foi o Branco Cremoso da Verona


4. Depois da tinta já estar na esponja é só dar batidinhas nas unhas e o efeito já aparece na hora!


5. Para finalizar, é só aplicar uma camada de base incolor por cima (quando secar a tinta branca!) e retirar os borrões.


Gostou do tutorial? Que tal deixar a sua opinião sobre?!...







1 de jan de 2016

Ano novo, layout novo

    É clichê falar que ano novo, tudo novo? Sim, é, mas eu tinha que começar assim, rs. É que agora, F-I-N-A-L-M-E-N-T-E o DJS tem uma carinha só dele! Vocês não imaginam, mas eu não aguentava mais aquele layout free que quase não dava para mudar nada, além de abrir outros blogs do mesmo jeito. Então eu e a Day passamos muito, muito tempo mesmo fazendo esse layout, eram horas programando, fuçando a internet atrás de tutoriais, pensando em cada detalhe até ele ficar desse jeitinho que vocês estão vendo. Ele não ficou 100% como nós queríamos, mas já estamos muito felizes com ele assim.
    Uma coisa que nos incomodou muito no layout antigo foi quando os comentários começaram a dar problemas, nós não conseguíamos ver os comentários no modo normal do blog, nem tinha botão de responder. Agora poderemos responder vocês sempre! Outro probleminha também eram as imagens que sempre tinham que ficar pequenas senão ultrapassariam a área dos post. Agora esse problema também foi resolvido!

Temos abaixo do cabeçalho uma galeria com as postagens mais recentes. Também temos um menu melhor que o antigo. Na página créditos, você pode conferir todos os blogs que nos ajudaram a criar o nosso layout.

   Esses são só alguns detalhes que eu achei que mereciam destaque nesse post. Enfim, espero que quem acompanha o blog tenha ficado tão feliz quanto à gente, embora o layout ainda não esteja perfeito! Mas com o tempo, tudo vai melhorando, né? Ah, a página do blog também já está de cara nova! Aproveita e curte lá se você ainda não fez isso! 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Dois Jeitos de Ser - 2015. Todos os direitos reservados.
Criado por: Daiane Santos ¬ Vitória Alves.
Tecnologia do Blogger.